Meninos na praia – Parte 2

Marvin e Duo continuam aproveitando o calor da praia deserta para fazerem o que mais gostam, depois dos deliciosos boquetes esses rapazes começam um foda deliciosa na areia onde Marvin come o cuzinho de Duo de todas as posiçoes possíveis naquele momento.











Deixe seu comentário sobre essa foda na praia

Meninu Lindo – Cohe

Menino Lindo
Intérprete: Thalia

Hô Meninu Lindo, tão belo
Que me conquistou com o brilho desse olhar
Quero que me digas, quero que seja sincero
Nhoi nhoi nhoi nhoi, digas que quer o meu amor

Você vem requebrando, cantando pra mim e me seduzindo
Fico te esperando, sonhando com seu corpo de menino
E foi nessa levada que eu aprendi a te amar
Que eu apendi a te amar, que eu aprendi a te amar
Nhoi nhoi nhoi nhoi digas que quer o meu amor
Nhoi nhoi nhoi nhoi me abraça e me da o seu calor










VOTEM NESSE BLOG. Concurso Nosso Top
Nos ajude a sermos os campeões!

Namoradinhos

Esses dois gatinhos mostram o que fazem entre quatro paredes. Os garotos que são namorados aproveitam que estão sozinhos e se divertem.
Ha o amor, Hum o Sexo…




Comentem!
e votem no blog

Ensaio Masculino. Bicho

Esse é Bicho em um sensual ensaio meui amador. Veja as fotos e admire os talentos do rapaz.








Gostou! Então comente e vote no Blog. Bjs!

Suruba na mata

Esses caras estão na mata fazendo trilha. Quando encontram com um cara tomando banho pelado na lagoa, o tesão é tanto que ambos começam a se exibir uns para os outros. É quando eles tiram a roupa e começam uma deliciosa foda a três.

















Comente essa foda deliciosa. E se gostou , vote no Blog. Bjs!

Meninos na praia – Parte 1

Marvin vai ao encontro de Duo na praia, e percebe que o local está deserto. logo Duo que estava esperando Marvin começa com um papo de sacanagem, e ja de pau duro o garoto de boné (Marvin) põe seu amigo Duo pra pagar um delicioso boquete pra ele.
Confira!












Machos de Cueca Branca

Vc se exita ao ver um homem de cueca branca?
Na verdade nós ja nos exitamos só de ver um machos de cueca né?; mas a cuequinha branca asvezes se torna um desejo, e assim nós a vemos de um jeito mais sexy.
Só de imaginar o que tem debaixo desse pequeno pedaço de pano branco ja da água na boca









CONTO ÉRÓTICO – Fui a “Garotinha” de dois Machos!

Primeiro Capítulo
conto com 2 capítulos

Olá. Tenho 19 anos, moro na cidade de Londrina, no Paraná,. Sobre mim, tenho 1,64m de altura, pequeno porte físico, moreno, pele branca. Sou magrinho, mas com o corpinho legal, faço academia, embora não seja musculoso. Sou bissexual, sempre tive dentro de mim um grande desejo oculto, que até hoje mantenho bem escondido. Desde uns 14 anos de idade, quando comecei a pensar mais intensamente em sexo, varias vezes me vi desejando estar do outro lado, sendo a mulher numa transa, sempre bem safadinha satisfazendo meu macho.

Com uns 16, comecei a descobrir os “prazeres do fundinho” ao tocar e enfiar objetos no meu rabinho. Ganhei nessa época um computador, e com o sexo virtual, descobri o quão “safadinha” eu podia ser, e me deliciava me entregando pra um macho safado. Por um bom tempo isso foi o suficiente pra me satisfazer, mas chegou uma hora que comecei a desejar ir mais longe. Desejava de fato estar no lugar das garotas dos filmes eróticos, sendo enrabada por um homem gostoso.

Virei freqüentador assíduo das salas de bate-papo. Conheci vários homens, e por vezes estive a um passo de marcar um encontro, mas sempre titubeava na última hora, com medo do desconhecido. Até que uma noite entra na sala alguém com o nick 2HxH, e na hora lembrei dos vídeos onde a garota transa com dois homens ao mesmo tempo, e a idéia de dar e chupar ao mesmo tempo me encheu de tesão. Conversei com o cara, e disse que eu era 100% passivo, virgem, porém decidido do que queria. Por sorte, o cara era super gente boa, foi educado e paciente comigo, e disse que se excitou em pensar num rabinho virgem apontando pra ele.

Comecei a manter contato com ele pelo MSN. Rogério (nome fictício) contou que tem 31 anos, é casado, mas que sempre teve suas experiências secretas HxH. Contou que há alguns anos conhecera um homem muito interessante numa viagem que fez, mas embora tenha rolado a “química” entre os dois, não chegou a rolar sexo, pois ambos eram ativos. Combinaram então que algum dia no futuro iriam procurar uma “mocinha” e fazer tudo que desejassem com ela. Por isso o rapaz se interessou tanto pelo meu caso.

Depois de umas 3 semanas conversando, o rapaz me disse que a oportunidade chegara. Sua esposa e sua filha iriam viajar pra praia, e ele não poderia ir por causa do trabalho. Logo, a casa estaria sozinha, e para minha alegria, eu poderia usar as coisas de sua filha, que tem 14 anos e um corpo de estatura média para sua idade, então suas roupas serviriam em mim. Disse também que já havia contatado o outro homem, que por ser solteiro e morar numa cidade próxima poderia vir até aqui sem problemas.

Decidimos que passaria com eles um sábado à tarde. Chegado um dia, estava muito nervoso, mas com muito tesão dentro de mim. Nesse dia foi difícil esconder dos meus pais minha tensão. Tomei um banho, me barbeei, deixei minha bundinha gostosa toda lisinha. Peguei o ônibus, e logo estava no local combinado, onde eles me esperavam.
Entrei no carro tremendo, tamanha era minha tensão. Pedi desculpas, e Rogério, que estava ao volante disse que não tinha problema, pois primeira vez é sempre assim. Me sentei no banco da frente e cumprimentei o homem que estava no banco de trás. Eles conversaram comigo pra me acalmar, e em pouco tempo estava mais à vontade. Comecei então a observar os homens com “outros olhos”, e fiquei muito feliz com o que vi. Nenhum dos dois era o que se pode chamar de “bonito” de rosto, mas não me importei. Rogério tinha uns 1,75m, pele branca, peludo, peito amplo, braços fortes, perna grossa, mas não sarado. O de trás, Marcos (nome fictício) era moreno, bem alto, forte, músculos de muitos anos de academia, cara de muito safado, o que eu adorei! Não havia mais volta… eu seria a garotinha desses machos! Decidi me entregar totalmente à situação, e ser o mais “safadinha” que eu pudesse.

Chegando na casa nos sentamos no sofá, conversamos, bebemos alguma coisa leve. Logo, Marcos fez jus a sua cara de safado, e começou a esquentar o papo. Disse que eu, mesmo estando de calça jeans e camiseta, tinha o corpo lindo, eu agradeci e disse o mesmo dele. Rogério disse então para ir até o quarto de sua filha, e que ficasse a vontade. Fui cheio de alegria e tesão, e comecei a mexer nas coisas da garota. Me produzi da seguinte forma: uma blusinha preta de alcinha, sem muito decote, pois não tenho seios; sainha jeans; meia-calça, para ocultar os pelos da perna que tenho bastante; calcinha branca de algodão, cuja parte de trás deixei deliciosamente enfiada no meio da minha bundinha lisa; sutian branco com alça de silicone. Também passei batom e um perfume dela. E pra finalizar, um salto alto, que mesmo não se encaixando perfeitamente em meus pés, me deixou excitado de usar.

Fui então até meus machos, que me esperavam na sala. Me sentei no colo de Marcos, bem encaixadinha em suas pernas, que pude sentir a elevação do pau na minha bundinha. Pedi para o Rogério me tocar, enquanto ia acariciando os braços do Marcos, que envolviam minha cintura. Rogério começou a tocar minhas coxas, enquanto me beijava e dizia que eu estava linda. Eu aproveitei e comecei a tocar suas pernas. O pau do Marcos crescia cada vez mais na minha bundinha, enquanto ele tocava minha barriguinha e baixava a alcinha da blusa, beijando meu ombro. Mal podia acreditar, eu no meio de dois machos me alisando e me chamando de gostosa!!! Era meu grande sonho!

Depois de muito tesão em ser tocada por aquelas mãos másculas e beijada por aquelas bocas masculinas, comecei a tocar o pau do Rogério, que ainda estava de calça. Ele perguntou se eu queria mamar um pouquinho, pois estava louco pra sentir minha boquinha e seu pau não agüentava mais esperar. Não respondi, apenas lancei um olhar safado pra ele. Me levantei do colo do Marcos e fiquei de frente para Rogério. Comecei a tocar seu peito e tirar sua camisa, enquanto empinava a bundinha pro Marcos, que já tava me bulinando por trás. Que delícia! Então me ajoelhei e beijei seu pau, ainda por cima da calça. Não acreditava que estava diante do meu primeiro pau!!! O cheiro, o volume na calça, e a mão do Marcos me tocando por trás, tudo isso me enlouquecia. Desabotoei sua calça, e a tirei com a cueca, liberando aquele cacete maravilhoso, cabeça grande, explodindo de tesão. Peguei com muito gosto no pau, enquanto chupava seu saco. Fui então pra cabeça, e comecei a provocá-lo. Um beijinho na ponta, uma lambidinha, um olhar safadinho. Mas eu não agüentava mais, e fui com tudo naquele pintão gostoso. Chupei muito, freneticamente, como sempre desejei em meus sonhos.

E nisso, o Marcos já tava peladão e apontando o pau dele no meu rosto. Agora sim estava me realizando: uma putinha, de joelhos, chupando e punhetando dois paus ao mesmo tempo! Estava louca, insana de tesão, e chupava cada pau com muita avidez. Tentava enfiar ambos na minha boca, ou senão enfiar um dos pintos o máximo possível na boca. Eles me elogiavam, delirando e gemendo de prazer, dizendo que eu era a garota mais deliciosa que eles já conheceram.
Rogério começou então a tirar sua roupa, e eu fiquei punhetando o Marcos enquanto curtia seu corpo. Muito gostoso, alto e sarado, e um olhar erótico que me derretia de prazer! Voltei a ficar em pé, e eles decidiram me levar pro quarto. O Marcos já me abraçou por trás, roçando seu pau nu na minha bundinha, que já se empinava pra ele, e me levou dessa forma pro quarto. Deitamos de ladinho eu e o Marcos, enquanto o Rogério já ia levantando minha saia e explorando meu fundinho. Quando viu minha bundinha linda e depiladinha, ele foi à loucura, disse que ela é deliciosa, branquinha, que humilha muita garota por ai! Realmente eu amo meu bumbum, ele não é muito grande, mas é redondo e empinadinho, e com uma calcinha enfiada então, enlouqueceu meu macho! Foi quando…

2° E ÚLTIMO CAPÍTULO

Ele tirou então minha calcinha e começou a acariciar minha bundinha. Me posicionei de quatro, empinando meu bumbum e chupando o pauzão moreno do Marcos, que estava deitado. Rogério, por trás, afastou minha saia, e perguntou se eu queria devagar. Eu disse pra começar devagar, mas ir acelerando e me comer de verdade, com todo desejo! Disse que ele era meu homem, e eu sua mulher querendo dar a ele muito prazer. Ele então colocou o preservativo e começou a bombar meu rabinho, cada vez com mais força e com mais gemidos. Que delícia esse cacete me tomando todinha por dentro! E a media que Rogério me fodia com mais força, eu ia saciando o Marcos com minha boquinha, chupando cada vez com mais vontade e violência. Eu pedi a ele que metesse a vontade, mas que não gozasse, porque o melhor viria no final.

Após bastante tempo me bombando, eles trocaram de papel. Marcos se sentou na beira da cama, colocou a camisinha, e eu, bem safadinha, empinei minha bundinha pra ele, me abaixei e sentei no seu pau. Como meu cuzinho lizinho já tava bem arrombadinho, entrou gostoso no cacete dele. Comecei então a chupar o Rogério e cavalgar no colo do Marcos. Essa posição é deliciosa, pois posso sentir o pintão dele indo até o fundo quando minha bunda encosta nas pernas dele. Dessa forma, com um pau na boca, me senti totalmente preenchida nessa hora!

E como eu havia pedido a eles, veio então a melhor parte: fiquei de quatro na cama, e os dois em pé na minha frente. Comecei a chupá-los novamente, enquanto eles punhetavam. Depois de alguns minutos, o Rogério avisou que ia gozar. Não queria me lambuzar, então abri bem a boca pra receber toda a carga de porra bem na minha garganta! Que delícia sentir uma gozada quente na língua! Que delícia receber de um macho leitinho quente com gosto de puro prazer! Não demorou muito e logo veio a gozada do Marcos, que não perdoou e melecou todinho meu rosto!
Então decidimos tomar um banho pra depois recomeçar a curtição, pois ainda era o meio da tarde. E que banho, eu no meio dos dois e eles bolinando meu corpinho o tempo todo! Que sensação inesquecível! Adorei também o momento que comecei a usar várias outras roupas e fazer strip para meus homens! Eles adoraram!

E depois disso fizemos muitas coisas gostosas e gozamos várias vezes até a noite. Se fosse contar tudo o relato ficaria muito grande, por isso é melhor parar por aqui. Mas pra mim o dia todo foi inesquecível! Me senti como uma atriz de filmes eróticos, linda, gostosa e safada, que se entrega para dois machos dotados! Senti muito mais prazer que eu imaginava, e fiz muito mais loucuras do que eu pensava que tinha coragem. Umas 9h da noite, fui embora muito feliz, lembrando de cada momento. Depois disso a família do Rogério voltou de viagem, e nunca mais rolou nada. Algumas vezes voltei a tc com ele, mas acabamos perdendo contato.

FIM