Bomba: Marco Nanini assume que é gay


Marco Nanini abriu o jogo e falou pela primeira vez sobre sua orientação sexual. Em entrevista à revista BRAVO!, o ator afirmou que é homossexual. ”Moro sozinho no Rio de Janeiro, em uma casa, com três cachorros. Às vezes, pintam umas namoradas, uns namorados… Namoradas, não. Namorados… Mas, se não pintam, sem problemas. Já vivi o que necessitava viver nessa seara”, declarou o ator.

Esta foi a primeira vez que Marco, que há mais de 10 anos interpreta Lineu Silva em A Grande Família, confessou que se relaciona com homens.

A revista BRAVO! com a entrevista completa de Marco Nanini estará nas bancas no mês de novembro.

Fonte: M de Mulher

Jogador de rúgbi faz propaganda só de cueca e é zoado no Pan

Recheada de patrocinadores e apoiadores, a seleção brasileira de rúgbi quer estar na moda. Com a estreia em Pan-Americanos, jogadores também começaram a lucrar com a exposição crescente do esporte no país nos últimos anos.

Três dos 12 atletas da modalidade que disputam o Pan de Guadalajara têm patrocínios pessoais de marcas esportivas. E Daniel Gregg é patrocinado pela marca de roupas Carmim.
Mas o que mais chamou a atenção –até dos próprios companheiros de seleção– foi que a primeira campanha que ele fez para a empresa foi usando apenas cueca.

“Quando eu era moleque já tinha feito uns comerciais. Mas nada de outdoor na avenida Paulista, de cueca”, lembrou Gregg, que é coordenador da escolinha de rúgbi do Vasco e do Niterói Rugby.

Dono de uma cafeteria em Niterói, o jogador diz que o patrocínio o ajuda a complementar a renda. Mas a primeira peça publicitária já rende piadinhas no time do Brasil, que estreia neste sábado no Pan.
“Tem jogador que fica me pedindo cueca”, disse. “Pessoal zoa, mas depois vê que é legal, ficam com ciúmes porque tenho patrocínio e eles, não. Fazem brincadeiras saudáveis, dão uma zoadinha”, conta.

A empresa o procurou devido ao desempenho no Sul-Americano, no começo deste ano. O Brasil foi terceiro colocado, mas venceu a Argentina na fase preliminar e acabou com uma invencibilidade de 74 anos.

“Tive a oportunidade de fazer o ‘try’ [ponto máximo do rúgbi] da vitória. Eles entraram em contato comigo porque queriam uma história legal e usaram o ‘try’ contra a Argentina na campanha. Está lá: `Gregg, autor do try que tirou a invencibilidade da Argentina'”, contou.

Como a maioria dos jogadores da seleção, Gregg é amador, ou seja, necessita de outras atividades para se manter como jogador de rúgbi.

“Como atleta não dá para viver profissionalmente no Brasil. Agora estamos conseguindo resultados e retorno.”

No sábado, o time brasileiro (que tem patrocínio ou apoio de Topper, Bradesco, Heineken, Terapêutica, Probiótica, Deloite) joga contra Canadá, Estados Unidos e Chile. No domingo acontecem as quartas de final, semifinal e final. É a primeira vez que o rúgbi participa dos Jogos Pan-Americanos. Em 2016, estará também na Olimpíada do Rio.

Exposição do Neymar preocupa dirigentes do Santos


Neymar e Hebe dão selinho. Programa foi ao na próxima terça-feira (1) (27/10/2011)Wayne Camargo/RedeTV!

Dirigentes do Santos têm demonstrado preocupação com a forte exposição da imagem e dos vários compromissos assumidos por Neymar e seus agentes.

O problema é que no campo ele continua o mesmo. Basta perguntar aos zagueiros adversários.